sábado, 17 de maio de 2008

À mercê da Mercedez




Mercedez é o nome da moça
que beijou os lábios do anjo Daniel.
O anjo lindo de olhinhos verdes
- pedacinho de céu!

Mercedez do sorriso desalinhado,
cabelo picotado,
olhar de moleca e jeitinho sapeca...

Mercedez não deu valor ao achado:
nunca disse ao anjo o quanto ele era amado,
e quando não mais o queria esqueceu de dizer:
“Está tudo acabado”.

Mercedez fez tudo errado.
E o anjo, coitado, sem asas nem auréola,
foi obrigado a fugir para bem longe dela.

Nicole Rodrigues

Um comentário:

Anônimo disse...

Que lindo poema!
Ando há horas aqui, ainda nem levantei da cadeira desde que você me indicou seu blog, e não consigo desgrudar...

margarida bernardo