terça-feira, 28 de julho de 2009

Milagre



Essa noite eu tive um sonho.
Um sonho que lembrei ao acordar.
E eu lembrei ao acordar porque nele você corria na areia da praia.
A praia que parecia deserta.
E nós dois parecíamos tão felizes...
Felizes como se comemorássemos um milagre:
o milagre de estarmos juntos,
juntos ao menos no sonho.
No sonho em que outro milagre acontecia: você corria.
Você corria no sonho que eu tive essa noite.

Nicole Rodrigues

Um comentário:

R.Vinicius disse...

Oi.

"- O poema é como um cometa visto raras vezes; como um momento de eterna luz, amostra da imensidão dos céus."

Abraço,
R.Vinicius