sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Premonição


Hoje cedo te vi partir
− não foi a primeira vez,
mas senti como se a última
estivesse por vir.


Nicole Rodrigues

Um comentário:

Nathy disse...

Vou roubar estes versos para mim.
Como sempre um fala fogoráfica incrível.