quinta-feira, 15 de abril de 2010

Fêmea



Em dias como este
em que as entranhas
descamam e sangram
eu desejo, como em nenhum outro dia,
não mais ser fêmea.



Nicole Rodrigues

Um comentário:

Juliana Migliorati disse...

Concordo plenamente!
Beijo