domingo, 10 de abril de 2011

Indolor


Quando a minha mãe não era a minha mãe,
ela era eu.
Não queria filhos,
queria um marido bom,
um futuro brilhante
e um último suspiro sossegado
e indolor.

Nicole Rodrigues

Nenhum comentário: