sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Espasmos


Após todo esse tempo
tua voz me atinge os tímpanos
 como uma foice.
 
As lembranças afloradas
na carne
com o toque dos meus dedos
que finjo serem teus.

Primeiro um espasmo,
depois um sussurro.
Não, as lagrimas que jorram de mim
não vieram dos olhos.


Nicole Rodrigues

2 comentários:

Andrea disse...

uau... fiquei a flor da pele...

Juliana Migliorati disse...

Minha nossa...
Repito as palavras da colega de cima uaaauuuuu...
Beijão lindona e um Feliz natal p/ vc assim tão apaixonada.. Eita coisa boa!