sábado, 13 de setembro de 2014

Um fado, um fardo e uma flecha





De manhã logo cedo
despedaço
entre as lembranças
das andanças que fizemos,

das tardes que passei
despida no teu colo
e das noites que passamos em claro.

O teu fado a tocar no rádio é tudo o que me resta...
Mas aqui, deste lado do mundo,
  a tua lembrança é um fardo e uma flecha.
Nicole Rodrigues

Nenhum comentário: