quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Poesia natimorta


O pente fino no cabelo da boneca,
a poesia natimorta que em tudo brota,
os versos em forma de gota que caem no papel…
As batalhas do peito têm a pena como mérito.

Nicole Rodrigues


Nenhum comentário: